Home » Primeiro imóvel : Confira 6 dicas essenciais para comprar o seu

Primeiro imóvel : Confira 6 dicas essenciais para comprar o seu

compra-primeiro-imovel

O primeiro imóvel é o sonho de muitas pessoas, mas é essencial fazer um bom planejamento para atingir esse objetivo.

Essa aquisição exige um alto investimento e um comprometimento  do comprador, o que requer cuidados importantes para não ter problemas para fazer os pagamentos necessários nem se arrepender da escolha.

No entanto, é natural que surjam questionamentos sobre como fazer isso. Você também tem essas dúvidas?

Para auxiliar nesse momento tão importante, separamos 5 dicas essenciais para você acertar na compra e não se deparar com dificuldades após fechar negócio. Acompanhe!

1. Defina o tipo de imóvel

Ao procurar o primeiro imóvel para comprar, você encontrará diversas opções: casas ou apartamentos, coberturas ou apartamentos Garden, na planta, novos ou usados, em condomínio ou individuais etc.

Tudo isso influencia no custo, na disponibilidade e na forma de pagamento, então essa decisão deve ser feita para garantir um planejamento financeiro sem erros.

Ao contratar uma imobiliária, informando as características que você deseja, os profissionais conseguirão pesquisar as opções disponíveis mais adequadas ao seu perfil, facilitando a sua busca pelo imóvel ideal. 

2. Escolha uma boa localização

A localização do imóvel influenciará na sua rotina, então deve ser avaliada com calma. Considere questões como segurança, distância em relação aos pontos de interesse e vias de acesso para definir os bairros de sua preferência.

Esse fator também influencia nos custos e na valorização do imóvel. Caso tenha dúvidas sobre qual a melhor opção para investir, converse sempre com o corretor credenciado.

3. Considere o valor da entrada para compra do primeiro imóvel

O financiamento é a opção mais comum para a compra, mas exige o pagamento de uma entrada, que varia de acordo com a linha de crédito e o tipo de imóvel e, geralmente, começa em 10% do valor total.

Contudo, o valor exigido também é influenciado pela sua renda. O valor das parcelas são limitadas a 30% dos seus rendimentos brutos, e isso pode modificar o montante que você desembolsará com a entrada.

A dica, é simular com diversas instituições financeiras para verificar qual o valor de entrada exigido para o seu perfil de crédito. Dessa forma, você também já analisa o valor das parcelas e demais condições ofertadas.

4. Planeje o restante do pagamento

Não basta planejar o pagamento da entrada: você precisa considerar o valor das parcelas para ter tranquilidade com a quitação do imóvel. Não adianta assumir prestações muito altas, que comprometerão o seu padrão de vida e podem se tornar inviáveis diante de imprevistos.

Analise o orçamento com atenção para definir o limite no valor da parcela e mantenha sempre uma reserva financeira para o caso de imprevistos. Outro cuidado importante é considerar as outras despesas envolvidas na aquisição, como taxas de cartório, vistoria do imóvel, impostos e mudança.

5. Avalie se é possível usar o FGTS para compra do primeiro imóvel

Para facilitar a compra do primeiro imóvel, verifique se é possível utilizar o saldo do seu FGTS. Ele pode ser usado para pagar a entrada, pagar parte do valor das prestações ou amortizar o saldo devedor, inclusive para quitar o valor remanescente.

Porém, é preciso seguir algumas regras específicas, como ter pelo menos 3 anos de registro sob o regime do FGTS, não ter outro financiamento ativo pelo Sistema Financeiro de Habitação (SFH) e não ser proprietário de outro imóvel.

Verifique as normas aplicáveis para ver se você e o imóvel atendem aos requisitos legais.

Depois de avaliar esses itens, não se esqueça de fazer visitas ao imóvel ou conferir o projeto (se for na planta) para garantir que ele tem todas as características que você deseja.

Além disso, avalie toda a documentação e leia atentamente o contrato, assim você terá toda a segurança necessária para comprar o seu primeiro imóvel.

Se você gostou do conteúdo e quer mais dicas para essa aquisição, aproveite para aprender tudo o que você precisa saber sobre financiamento!

6. A escolha de uma imobiliária para comprar o seu primeiro imóvel em Porto Alegre

Ao procurar pela imobiliária ideal para ajudar você a comprar imóveis em Porto Alegre, você deve ir atrás de uma instituição que tenha consolidação no mercado e ofereça suporte completo para o processo. Além disso, você deve verificar:

  • se a imobiliária está registrada no CRECI (Conselho Regional de Corretores de Imóveis);
  • o histórico de trabalho da empresa com outros clientes;
  • os imóveis negociados pela imobiliária;
  • a qualidade do suporte oferecido.

Na hora de comprar imóveis em Porto Alegre, a imobiliária certa para você é a Bridge. Nós trabalhamos com imóveis em todas as áreas da capital gaúcha, oferecendo um suporte personalizado de acordo com seu perfil e necessidades. Oferecemos também parcerias com incorporadoras sólidas e excelentes residências nos melhores bairros.

Se você gostou deste conteúdo e quer saber mais a respeito da Bridge, aproveite a oportunidade e acesse agora mesmo o nosso site.